sábado, 16 de fevereiro de 2013

Pérola roxa


      O açaí é uma frutinha de cor roxa, não apropriada para consumo sem que tenha sido processada em um batedor de açaí. Conhecida também como uaçaí, açaí-branco, açaí-do-Pará, açaizeiro, coqueiro-açaí, iuçara, juçara, palmiteiro, palmito, piná e tucaniei. Uiaçá ou açaí, que vem do tupí Yasa'i (fruto que chora) em alusão ao sumo que sai do seu fruto e ''Juçara'' que vem do tupí Yu'sara.
A fruta é nativa de varzea da região amazônica, encontrada na Venezuela, Colombia, Equador, Guiana, Trinidad e Tobago, Ilhas e Brasil. No Brasil é encontrada nos estados do Amazonas, Pará, Amapá, Maranhão, Rondonia, Acre e Tocantins. O pé de açaí cresce de 12 a 20 metros de altura, em touceiras de 4 a 8 ''estipes''(troncos de palmeiras). As folhas podem ser aproveitadas para confeccionar chapéus, esteiras, cestos, vassouras e para cobrir casas. As sementes, depois de limpas são usadas para fazer artesanato como pulseiras, colar, cortinas. De seu tronco se extrai o palmito, usado na culinária em sopas, saladas,  pizzas e outros.
   Imagem Google
  Pode-se usar o açaí na confecção de picolés, sorvetes, tortas, musses, bombons, geléias, doces. Ou com frutas, granolas e uma infinidades de outros ingredientes. Mas para o paraense essa não é a melhor forma de tomar o açaí. Para saboreá-la, o paraense é tão rústico quanto a fruta.

     O VALOR NUTRICIONAL DO AÇAÍ
 Cada 100 gramas:  
água 48,0g
resíduos totais: 1,58 g
fibras:16,9 g
valor energético: 247 kcal
proteínas: 13 g
lipídeos:17 g
glicídeos: 1,5 g
açúcares simples: 1,5 g

oligoelementos
potássio: 932 mg
magnésio: 174 mg
fósforo: 124 mg
cálcio: 286 mg
sódio: 56,4 mg
zinco: 7 µg
ferro: 1,5 µg
cobre: 1,7 µg
vitaminas
vitamina C: 0,01 mg
vitamina B1: 11,8 µg
vitamina B2: 0,32 µg
vitamina B3: 1738 µg
vitamina B5 1389 µg
vitamina B6: 257 µg
vitamina B9: 0 µg
vitamina B12: 0 µg
vitamina A: 146 UI
retinol: 0 µg
vitamina E: 2,07 µg
vitamina K: 20 
 Imagem Google
 
COMO SE TOMA O AÇAÍ

      Antes de ir para a mesa, o açaí é batido em máquina apropriada, depois de ficar de molho na água em temperatura ambiente para amolecer mais. Mas pode ser amassado com as mâos também, passado na peneira, fica mais original e muito saboroso. Natural ou gelado, com sal ou açúcar. Há quem prefira não acrescentar nem um, nem outro. Mas tem que ter um acompanhamento, como: farinha de mandioca, farinha de tapioca, pirarucú frito ou outro peixe qualquer frito ou assado, charque frito ou camarão. A mistura do açaí adoçado, com um desses itens acima...hummm, é que faz a diferença! Interessante como as crianças da região se apaixonam logo pélo sabor dessa papa de fruta e cada uma já vai mostrando sua preferencia nos acompanhamentos. Minha neta, por exemplo, toma ele adoçado, com farinha de mandioca e coloca pedaços de charque frito dentro. Esquisito? pode ser. Mas é assim que o paraense sente o verdadeiro sabor dessa fruta pra lá de exótica!



2 comentários:

  1. Amo açaí... Retribuindo o carinho de sua visita e te seguindo tbm!!! Super beijo...

    ResponderExcluir
  2. Obrigada Kathia...é uma delícia, né? Bjs

    ResponderExcluir

Comente: